Plantas cheirosas

Encha a sua casa com plantas cheirosas

Existem muitas razões para cultivar plantas dentro de casa. Plantas cheirosas limpam o ar, suavizam e infundem a nossa decoração com a natureza. Assim como também, reduzem a quantidade de estresse que sentimos.

Há uma variedade imponente de cores e texturas de folhas para iluminar os nossos espíritos, mesmo nos dias de inverno mais curtos. Mas, isso não é tudo, se escolher com cuidado também enchem a casa com um cheiro agradável. Leia o nosso post para descobrir algumas das nossas plantas de interior perfumadas favoritas.

  • Gerânio Perfumado

Comece a explorar o mundo dos gerânios perfumados e, com certeza, ficará surpreso com a variedade de aromas que eles oferecem. Poderá escolher entre rosa, limão, lima, noz-moscada, gengibre, ou aromas de chocolate, só para citar alguns. Eles também apresentam uma gama encantadora de formas de folha, de laçado para escudo. E muitos têm uma folhagem macia que é tão divertida de tocar como de cheirar.

Gerânio Perfumado

O que ele precisa: os gerânios perfumados têm que crescer num ponto brilhante e protegido de correntes de ar. Deve regar com água e alimentar regularmente com alimento de uso geral de planta.

Dica de jardinagem: certifique-se que os seus gerânios têm acesso a abundância da luz. Se eles se tornam esguios, belisque-os de volta para incentivar o crescimento espesso.

  • Jasmim-Árabe

O jasmim-árabe floresce quase todo o ano se recebe suficiente luz. As flores estreladas, puras e brancas produzem uma fragrância suave e são usadas para fazer chá de jasmim.

Jasmim Árabe

O que ele precisa: cultive jasmim árabe num ponto brilhante protegido de correntes de ar e com humidade abundante. Regue com água regularmente e alimente-o na primavera e no verão com um fertilizante de uso geral.

Dica de jardinagem: jasmim árabe é uma videira arbustiva. Pode deixar as hastes crescerem muito tempo e treiná-las numa treliça ou crescer num montículo arqueado.

  • Plantas Cítricas

Você com certeza ficará apaixonado com o perfume doce da laranja, do limão, da uva ou de outras flores do citrino. A maioria destes são surpreendentemente fáceis de crescer, desde que lhes dê luz suficiente. Se é paciente, você pode até começar a desfrutar de frutos caseiros.

Plantas Cítricas

O que ele precisa: escolha um ponto brilhante protegido de correntes de ar e que forneça humidade abundante para o seu citrino. Regue com água regularmente e fertilize na primavera e no verão com um alimento de uso geral.

Dica de jardinagem: se você quer crescer sementes citrus, as suas plantas cheirosas podem levar muitos anos para florescer e provavelmente terão espinhos longos e afiados. A sua melhor aposta para citrinos como planta de casa é a compra de uma variedade conhecida.

  • Eucalipto

A maioria dos jardineiros não pensam do eucalipto como uma planta de casa. No entanto, esta árvore de fácil crescimento faz uma peça bonita dentro de casa num ponto de alta luz. Ele oferece folhagem azul-cinza com um aroma distinto quando você o esfregar.

Eucalipto

O que ele precisa: prospera num ponto brilhante e protegido de correntes de ar quente e frio. Regue com água regularmente durante todo o ano.

Dica de jardinagem: não tenha medo de podar o eucalipto para mantê-lo cheio e espesso. Caso contrário, pode acabar com uma planta que parece muito alta e dispersa.


escolher o seu primeiro bonsai

Conselhos para escolher o seu primeiro bonsai de interior

Escolher o seu primeiro bonsai pode ser uma tarefa difícil se você não sabe o que considerar. Neste post vamos ver que condições você tem ter para crescer um saudável e forte.

A primeira coisa a saber é se no interior da sua casa existem condições que afectam a saúde da espécie. Por exemplo, a humidade dentro da sua casa é significativamente menor do que a existem fora. Por isso, um bonsai interior deve ser pulverizado com água cada 2-3 dias.

A temperatura da sua casa permanece relativamente constante ao longo do ano. No verão arrefecemos a casa para manter uma temperatura confortável e no inverno a aquecemos. Então as mudanças de temperatura são muito menos intensas do que as do exterior. Com isto em mente, as espécies que você mantenha dentro da sua casa devem ser tropical ou originários de áreas próximas ao Equador. nesta área as mudanças de temperatura e luz durante o ano são mais baixos e essas espécies se adaptam muito melhor às condições dentro da sua casa. Entre as espécies do tipo mais comum e mais fácil de atender são o Ficus e Serissa.

Enquanto ao seu lugar ideal para colocar a sua casa bonsai, idealmente coloque-o perto de uma janela onde chegue o sol por volta de 3 ou 4 horas por dia. É também importante ter um fluxo de ar, para ficar fresco e melhorar a humidade da folhagem. Outra consideração a ter em mente é que se vive num apartamento deve pulverizar a folhagem com mais frequência, porque quanto mais altitude menor a humidade e o ar será mais seco do que na superfície. Assim sendo, a constantemente pulverização da folhagem dos seus bonsai vai aportar humidade e melhorar seu tiro e saúde.

Espero que este post ajude-o a escolher o seu primeiro bonsai de interior.


benefícios de beleza

3 plantas que pode crescer no seu jardim para benefícios de beleza

Todos nós sabemos que as plantas são as nossas amigas. Como já mencionamos num post anterior, estas podem ser usadas como remédios. Mas hoje vamos a mencionar 3 plantas que podem ser cultivadas em casa e que têm altos benefícios de beleza.

  • Aloe Vera

Aloe é uma das plantas mais comuns com benefícios de beleza. Esta contém propriedades antioxidantes que podem agir como calmantes da pele. Razão pela qual você geralmente vê-lo listado como um ingrediente principal em produtos de pós-sol.

Se você sofre de acne teimosa, você também pode aplicar estratos de aloe vera na sua pele. Se sua pele tende a ser do lado sensível, você também pode ter problemas com removedores de maquilhagem, pois causam irritação. Em vez de usar as toalhetes, tente mergulhar uma bola de algodão em gel de aloe vera e remova a sua maquilhagem dos olhos com este. Aplique o mesmo gel a um ponto de queimadura solar para aliviar.

Bónus: Esta planta suculenta pode ser mantida sem muita rega, por isso é fácil de cuidar.

  • Sabugueiro

Esta planta espessa é popular para fins medicinais, mas é muitas vezes procurada para o cuidado da pele. Óleo de sabugueiro pode ser usado como uma pomada da pele para suavizar erupções e tratar cicatrizes. Também tem elementos antioxidantes que agem como agentes anti-envelhecimento, tornando-se uma óptima opção para um tratamento de cuidados da pele natural.

  • Chá verde

O chá verde está sempre lá quando nós precisamos de aliviar uma constipação desagradável. Se você ainda não tem esta planta no seu jardim, então a sua mãe ou avó provavelmente a tenham.

Não só é a camellia sinensis (o nome da planta técnica que você deve pedir) útil durante a estação fria, mas também pode ser usado de várias maneiras para a beleza.

Se você tem problemas com a caspa e/ou perda de cabelo, pois usar chá verde como uma lavagem do cabelo pode ser a sua solução.

Só precisa de ferver um pouco de chá verde como você normalmente faz  para beber e deixe esfriar completamente. A seguir, enxague o cabelo com este no chuveiro e obtenha um cabelo liso e brilhante.


cultivar rosas

Como cultivar rosas? – Processo passo a passo

Quer cultivar rosas mas não sabe como? Pois, não se preocupe. Aqui lhe ajudaremos a perceber cada passo do processo. Desde a escolha até o cultivo, para que possa luzir um jardim lindo e cheio de rosas.

Preparação para a plantação

Passo 1: Escolha a variedade de rosa.

Sabia que existem 13.000 variedades de rosas? Algumas rosas crescem melhor em certas regiões do que  noutras. Quando está a escolher o tipo de rosa para cultivar, tire algum tempo para pesquisar as particularidades da sua região. A seguir, veja as características dos tipos que acha atraente. Informe-se sobre a sua forma, tamanho e cor.  As rosas caracterizam-se como:

  1. Rosas de Chá Híbridas, têm uma forma linda e cores brilhantes. Surgiram pelo cruzamento de duas espécies diferentes. Consiste num dos tipos mais comuns de flor. Podem ser encontradas na maioria dos jardins, assim como são a escolha de muitas pessoas oferecer.
  2. Floribunda, são as mais coloridas de todas as variedades de rosas. Esta tipologia de rosa tem como característica típica um arbusto mais apertados, pequeno e de maior grossor do que a média das rosas de chá híbridas.
  3. Grandiflora, são uma mistura entre o chá híbrido e as rosas de Floribunda. Têm as mesmas características do que as Chá Híbridas, mas um pouco mais pequenas, mas altas, e tendem a produzir várias flores como a Floribunda.
  4. Rosas de Escalada, podem ser treinadas para trepar ao longo das cercas e das paredes.
  5. Rosas Miniatura, são intrincadas e minúsculas, perfeitos para plantação num recipiente.
  6. Arbusto e rosas de paisagem, são bastante resistentes a pragas e doenças. Existem em muitas cores, formas e tamanhos.
  7. Rosas de Árvore, são as rosas que foram inseridas a uma haste longa, dando-lhes a aparência das árvores. Eles exigem um pouco mais cuidado do que alguns dos outros tipos de rosas.

Rosas de Escalada

Passo 2: compre a raiz nua ou as rosas em vasos.

Uma vez que você escolha o tipo de rosa que quer plantar, decida de que forma as quer comprar. Raízes nuas são aquelas que são plantadas diretamente no chão. Também pode comprar rosas jovens que já foram plantadas num pequeno vaso, e transplantá-las para o chão ou outro vaso. Qualquer tipo pode ser comprado num viveiro. As variedades das rosas raras podem ser encontradas online.

  • As rosas sem raízes são plantadas no início da primavera. Dando-lhes tempo para enraizar antes de brotar várias semanas mais tarde, quando o tempo aquece.
  • As rosas em vaso podem ser mantidas dentro durante o inverno e colocadas no exterior na primavera.

Passo 3: obter utensílios de jardinagem.

Com a exceção de rosas sem raiz ou de plantas em vasos, precisará de alguns materiais para começar com o seu jardim de rosas.  Deste modo, visite a sua loja local ou verifique as plataformas online para procurar o seguinte:

  • Tesouras de poda. Podar as rosas mantém-nas saudáveis, promove o crescimento das flores e mantém-nas numa forma bonita. As tesouras são um equipamento essencial para cultivar rosas. Adquira tesouras pequenas com borda curvada e tesouras de corte maior.
  • Luvas de jardinagem. Proteja-se de espinhos com um par de luvas grossas.
  • As rosas devem ser alimentadas com fertilizante algumas vezes por estação. Pode comprar fertilizantes especificamente formulado para rosas, mas isso não é estritamente necessário.
  • Cobrir com camada de matéria vegetal na raiz de plantas recém-plantadas pode ajudar a afastar as pragas. Assim como, distribuir mais nutrientes para as rosas.
  • Misturando isso com o solo para cultivar rosas, ajuda-as a crescer. Pode sempre fazer o seu, veja aqui.
  • Uma pá com ponta pontiaguda e uma pá com ponta plana. Você vai precisar destas para cavar buracos para cultivar rosas.

utensílios

Cultivar Rosas

Passo 1: decidir sobre um local de cultivo.

Precisará de um lugar que obtém pelo menos 6 horas de boa luz solar por dia. Escolha um lugar que não esteja lotado com raízes ou ramos de outras plantas e árvores. O solo deve estar solto e ter boa drenagem. Se o seu tem monte de argila, solte-o e adicione algumas pastilhas de gesso antes de plantar.

As rosas crescem melhor quando o solo tem um pH entre 6,3-6,8. Para determinar se um lugar tem boa drenagem, caminhe em torno dele depois de uma boa precipitação. Se o solo estiver húmido, mas não inundado, ele deve estar bem. Se vir poças de água ou grandes manchas de lama, precisará encontrar outro lugar ou trabalhar para torná-lo mais propício ao crescimento de rosas.

Passo 2: rege as rosas para prepará-las para o cultivo.

Se está a plantar raízes nua, mergulhe-as num balde de água por algumas horas antes de plantar. Se está a plantar uma rosa que comprou num vaso, rege-a completamente antes de preparar a cama de cultivo.

rosas bonitas

Passo 3: prepare um buraco grande.

Aqui vai precisar de um para cada roseira esteja a cultivar. Use uma pá de jardim ou pá para cavar um buraco de 45,7 cm de largura e 45,7 cm de profundidade.

As medidas não têm de ser exatas, mas desde que seja um buraco amplo e profundo, será adequado para a maioria das rosas. Misture o solo que removeu do solo com composto e use um pouco para formar um pequeno colina na base do buraco. Adicione algum fertilizante.

Se está a plantar mais do que um arbusto, coloque vários metros de espaço no meio, para que as raízes tenham espaço para crescer e esticar-se.

Passo 4: plante as rosas.

Coloque a raiz nua ou de vaso sobre a pequena colina. Use uma pá para preencher o buraco de volta. A união do rebento da rosa deve estar localizada perto de 5,1 cm abaixo da superfície do solo. Se mora numa região mais fria, pode precisar plantar suas rosas com maior profundidade para protegê-las das baixas temperaturas.

Se está a plantar uma rosa de vaso, solte o solo em torno das suas raízes para expô-las antes de plantá-lo no buraco. Certifique-se que o solo seja firme em torno das raízes. Pressione para baixo com as mãos para remover as bolsas de ar.

rosa no inverno

Passo 5: rege as rosas.

Regar completamente a área onde plantou a rosa ajuda a compactar o solo contra as raízes, estabilizando a planta. Certifique-se de que tem uma boa imersão logo depois de terminar o cultivo.

Passo 6: adicione o mulch na cama da rosa.

Coloque o mulch sobre a área onde plantou a rosa. Se plantou um mato, coloque o mulch em torno do caule. Isso manterá a temperatura consistente e protegerá as rosas durante o estágio inicial de crescimento.